Blog do InJQ

Buscar
  • Dr. Rafael Arceno

Perda Conjugal e Risco de Transtorno por Uso de Álcool


Uma pesquisa recente da Sociedade Americana de Psiquiatria (APA), divulgada na internet, levantou a discussão sobre o aumento do Transtorno por Uso de Álcool (TUA) relacionado à perda do cônjuge, devido ao divórcio ou morte. O estudo da APA comprovou que a perda do companheiro aumenta o risco de TUA, mas um novo relacionamento auxilia o indivíduo a reduzir esse problema.

De acordo com o estudo, em muitos casos o divórcio foi a causa de uma primeira ocorrência de TUA, sendo também o motivo de recaída. Essa possibilidade aumenta ainda mais em pessoas que possuam histórico desse transtorno na família. A viuvez também age como fator de risco de TUA em ambos os sexos, sendo mais presente em mulheres.

Segundo os pesquisadores, é importante observar as interações diretas do casal, onde um monitora e tenta controlar o consumo de seu parceiro, ou seja, um cônjuge sem o Transtorno por Uso de Álcool pode auxiliar no controle do TUA no parceiro.

Através do estudo, foi possível avaliar a importância do casamento na vida emocional dos indivíduos e o impacto que o término pode causar. O abuso no consumo de bebidas alcoólicas não deve ser percebido como algo normal em decorrência da tristeza, mas sim como um transtorno emocional que exige o correto tratamento médico.

Dr. Rafael Arceno

Médico Psiquiatra

CRM-SC 18.994 | RQE 14.708

rafael.arceno@injq.com.br

Destaques
Mais Recentes