Blog do InJQ

Buscar
  • Dr.ª Ritele Hernandez da Silva

Transtorno de estresse pós traumático


Situações extremas como a tragédia de Brumadinho-MG podem desencadear uma série de alterações psiquiátricas, dentre elas o Transtorno de estresse pós traumático (TEPT), situação que pode ocorrer após a um evento traumático como o que vivenciamos nos últimos dias.

A exposição a situações como agressões físicas ou sexuais, acidentes automobilisticos, catástrofes naturais ou por interferência humana, enfim qualquer evento de estresse importante ao qual o indivíduo seja submetido de alguma forma são condições necessárias para o desencadear dos sintomas, bem como para o diagnóstico.

Sintomas como ansiedade, alterações e perturbações do sono, com sentimentos ou sonhos vívidos, relacionados ao evento traumático, condutas na tentativa de evitar situações que relembrem o fato, respostas exacerbadas a qualquer evento estressante, ainda que não possa causar dano ao individuo, impulsividade e agressividade são exemplos do que podem acontecer. Porém, esses sintomas precisam estar presentes após 1 mês da exposição a situação estressante.

Felizmente a grande maioria dos indivíduos expostos a um evento traumático não desenvolve o TEPT. Sabe-se que a vivencia de uma situação estressante prévia é um importante fator de risco. Além disso, o TEPT quando não tratado adequadamente pode culminar com aumento do risco de suicidio e autoagressão.

Dessa forma, a atenção aos indivíduos que foram expostos a situações extremas precisa ser contínua, um vez que os sintomas podem surgir tardiamente e podem causar uma série de perdas a eles e suas famílias.

Em caso de dúvida, busque a orientação de um profissional de saude mental, ele saberá orientar.

Dra. Ritele Hernandez da Silva Psiquiatra CREMESC: 11444 RQE:11334

Destaques
Mais Recentes