Blog do InJQ

Buscar
  • Dr. Roberto Alves de Oliveira

Depressão de Inverno (ou Transtorno Afetivo Sazonal)


A depressão é uma doença repleta de peculiaridades. O quadro depressivo é complexo e se apresenta de diferentes formas. Dificilmente alguém imaginaria que as estações do ano poderiam desencadear um transtorno do humor, mas isso é possível. A depressão sazonal, também conhecida como Transtorno Afetivo Sazonal, é um transtorno que acomete as pessoas principalmente durante o inverno ou outono.

Normalmente, dias chuvosos, frios e cinzas causam desânimo em muitas pessoas. No entanto, quando essa sensação persiste e se repete durante os mesmos períodos, a depressão sazonal é caracterizada.

Um sentimento melancólico vem no final do outono, quando as últimas folhas restantes caem, a geada matinal cobre o chão e o sol se põe mais cedo a cada dia, o café quente e o calor de um casaco velho favorito podem ser tudo de que você precisa para enfrentar o próximo inverno com bom ânimo. Porém, para muitas pessoas, a melancolia se aprofunda no inverno, trazendo sofrimento, angústia e desesperança.

Vários fatores podem levar a este quadro de humor sazonal, dentre eles está a diminuição da quantidade de luz que produz mudanças em diversos hormônios, como a melatonina e a serotonina, que controlam humor, sono e apetite. Muitos especialistas acham que a depressão de inverno está de alguma forma relacionada a uma necessidade inata de luz e uma inclinação natural para a depressão.

Vários são os sintomas da depressão sazonal, entre eles estão:

  • Dormir demais ou dificuldade em despertar pela manhã;

  • Redução da produtividade do trabalho;

  • Aumento de apetite (vontade de comer carboidratos, chocolate e guloseimas de forma geral), e/ou ganho de peso;

  • Mudanças na energia e motivação (dificuldade de concentração, execução de tarefas rotineiras, isolamento social e diminuição da libido);

  • Mudanças no humor (irritabilidade, apatia, baixa autoestima, sensação de depressão, fadiga);

  • Piora da Tensão Pré-Menstrual (TPM).

Assim como outros transtornos depressivos, o transtorno afetivo sazonal tem tratamento e necessita de acompanhamento psiquiátrico e psicológico por profissionais qualificados.

Roberto Alves de Oliveira

Médico Psiquiatra

CRM-SC 19.746 | RQE 17.272

Destaques
Mais Recentes
Biblioteca

INSTITUTO DE NEUROCIÊNCIAS DR. JOÃO QUEVEDO

NEUROCIÊNCIA, PSIQUIATRIA E ENSINO PARA VIVER MELHOR

Ligue  0800-006-2307 | contato@injq.com.br

 

PSIQUIATRIA | NEUROLOGIA | DEPENDÊNCIA QUÍMICA  

CONSULTAS | ATENDIMENTO DOMICILIAR | INTERNAÇÃO

CRIANÇAS E ADOLESCENTES | ADULTOS | IDOSOS

  • Instagram Instituto João Quevedo
  • Facebook Instituto João Quevedo

Acompanhe as novidades

nas mídias sociais.

Diretora Técnica Médica (Criciúma):

Drª. Kelen Cancellier Cechinel Recco

CRM-SC 13.394 | RQE 10.277

Diretora Técnica Médica (Araranguá):

Drª. Ritele Hernandez da Silva

CRM-SC 11.444 | RQE 11.334

Diretor Técnico Médico (Turvo):

Dr. Rafael Arceno

CRM-SC 18.994 | RQE 14.708