Blog do InJQ

Buscar
  • Ex-colaboradores InJQ

Neuropediatra: será que meu filho precisa?

Neuropediatra é o(a) especialista que trata as mudanças no sistema nervoso central e periférico de crianças e adolescentes, mas em quais situações devemos procurar esse atendimento especializado para analisar nossas crianças?


O que é a Neuropediatria?


A Neurologia Infantil ou Neurologia Pediátrica é uma especialidade médica, uma área de atuação da Pediatria.


Também chamada de Neuropediatria, ela se dedica ao estudo das disfunções do Sistema Nervoso Central e Periférico de crianças e adolescentes.


O que faz o(a) Neuropediatra?


É o(a) médico(a) Neuropediatra que acompanha o desenvolvimento da criança desde o período neonatal. Ele(a) avalia as aquisições motoras, cognitivas, comportamentais e de linguagem, no decorrer do tempo.


Isso permite detectar e intervir de maneira oportuna e precoce, nas diversas enfermidades que acometem o Sistema Nervoso. O acompanhamento do desenvolvimento neurológico da criança é essencial para que se possa assegurar seu progresso e sua saúde física, mental e emocional.


Quando levar a criança a um Neuropediatra?


Leve sua criança a um Neuropediatra quando houver:


  • alterações ou atrasos na aquisição de marcos próprios de cada idade;

  • mudança no equilíbrio e na coordenação;

  • movimentos involuntários;

  • paralisias;

  • tremores;

  • perda de força;

  • alteração de sensibilidade;

  • mudanças comportamentais;

  • crises convulsivas;

  • dores de cabeça;

  • dificuldades escolares;

  • prematuridade;

  • hipotonia (diminuição do tônus muscular e da força, o que causa moleza e flacidez);

  • alteração no formato e no tamanho da cabeça (microcefalia ou macrocefalia);

  • Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH);

  • Atraso no desenvolvimento infantil (atraso na fala ou marcha);

  • Distúrbios do sono (insônia, terror noturno);

  • Paralisia Cerebral e suas complicações;

  • Distúrbios do movimento;

  • Doenças musculares (Amiotrofia Espinhal, Miopatias, Neuropatias);

  • Erros Inatos do Metabolismo;

  • Doenças degenerativas do Sistema Nervoso Central e Periférico;

  • Transtorno do Espectro Autista;

  • Altas habilidades e Superdotação;

  • Síndromes Genéticas;

  • Deficiência Intelectual;

  • Tiques e Gagueiras;

  • Epilepsia; dentre outros.


Se você estiver em dúvida sobre o desenvolvimento ou comportamento da sua criança, procure um(a) especialista em Neurologia Infantil.


Joselainy Machiavelli

Médica Pediatra

CRM-SC 13.943 | RQE 11.033

Destaques
Mais Recentes